Mona de volta ao primeiro Amor



 Olá meninas ! Gostaria de compartilhar um pouco da minhas história. Tudo que do escrito aqui seja pra honra e glória do Senhor.

Bem, sou Monara, tenho 18 anos, moro atualmente no Rio de Janeiro mas sou natural do Ceará ( terra linda que amo ) Então, nasci em um "lar cristão" ( só minha mãe que não é evangélica , ainda! U.U),  meu pai sempre me ensinou e sempre me mostrou o caminho da verdade e da vida. Sempre estive ligada à igreja, comecei a cantar tinha apenas 3 anos de idade. Own *0* rsrs. 

Meu pai, um bom assembléiano tradicional, me ensinou à risca tudo que ele aprendeu. Mas, infelizmente crescemos e achamos que somos dono do mundo, que Deus não se importa com o que a gente faz ou deixa de fazer, aliás meu pai é crente, quase um "pastor". Deus não vai se importar, mas filho de crente não é crentinho, né?!
  
Quando comecei a fase da adolescência não queria mais saber da igreja, para mim já tinha passado tempo demais na casa de Deus, queria conhecer coisas novas, queria amigos novos , queria festas, bebidas , na verdade eu queria fugir de Deus e dos sonhos dele pra minha vida, não tava disposta a pagar o preço, afinal eu era muito nova, tava na "melhor" fase da vida. Começava aí o pior momento da minha vida espiritual. Comecei a desejar o mundo mais que o reino de Deus. 

Ir pros cultos começou a ser uma coisa chata, obrigada, era mais um encontro de amigos e não mais de adoração. Chegava atrasada e saía antes do culto terminar, mas confesso que tinha muito medo de Deus pesar a mão sobre minha vida. Já tinha se passado quase um ano e a situação só piorava, o temor já não existia mais, agora eu tava no ensino médio, tava descobrindo um novo mundo, e o tempo passava e estava mais profundo em um atoleiro sem fim. 

Amigos novos do mundo, histórias novas, vínculo de amizade nova. Até que um dia ouvir uma pessoa falar que "Se você não traz seus amigos pra igreja, eles te levam para o mundo" isso ficou na minha mente, mas não conseguia sair daquela  situação. Daí eu pensava "vou ficar sem amigos", "vão me achar chata se parar de fazer o que ele fazem". Tinha um vazio tão grande dentro de mim que só  aumentava. Daí  cansei. Cansei de mostrar o que não era, comecei a lembrar do que Deus tinha me prometido. 

Enfim estava me despertando. No finalzinho do ano de 2012 decidi me reconciliar com Deus. Mas surgia a pergunta "Como?" " Como alguém que ministrava o louvor iria lá na frente, voltar pra Deus?' Nessa mesma semana surgiu uma oportunidade de ir para um show evangélico e eu disse: Eu tenho que ir, essa é minha chance. E no dia 15/12/2012 em um show em fortaleza, quem estava ministrando era a cantora Fernanda Brum, decidir voltar ao primeiro amor. 

Diferente do filho pródigo que saiu da casa do seu pai, eu estava perdida dentro da casa de Deus, tinha medo do que meu pai iria fazer, do que as pessoas iriam pensar, da vergonha que ia ser, então, continuava com minha vidinha de  máscaras. Mas Deus marcou aquele dia pra usar uma pessoa, eu não a conhecia, estava lá na frente chorando muito, estava só os cacos esperando Jesus fazer a obrar e me juntar de novo. Essa irmã chegou e disse: Deus está tirando de você tudo o que te afasta dele. Entendi ali que Deus me queria por completo.

Os meses foram se passando e realmente, algumas pessoas começaram a sair da minha vida de forma muito estranha. Eu sem entender nada, Deus me fez trazer à memória o que ele tinha prometido. Começou a me trazer à memória meus sonhos, comecei a ver onde eu estava, de onde tinha saído e pra onde Deus queria me levar. O ano de 2013 não foi fácil, era saindo de uma batalha e entrando em outra, renunciar não estava sendo fácil. 

Negar minhas vontades doía. Mas a eternidade é para os que já morreram pra esse mundo, o céu é para os que crêem, para os dispostos a viver uma vida de santidade. Nessa caminhada conheci pessoas que até hoje seguram minha mão, que tem visão de reino e de ministério, são amizades da eternidade. Escolha bem seus amigos, escolha bem quem você quer servir, pois a Bíblia diz que é IMPOSSÍVEL servir dois senhores. 

Quanta coisa mudou , quantas marcas trago em mim, mas são marcas que me fazer lembrar de onde vim. Deus é tão misericordioso que me renova, me traz à memória aquilo que me dar esperança. Particularmente estou vivendo o melhor momento da minha vida espiritual, falar com Deus, chorar pra Ele, adorá-Lo, deixou de ser "chato" pra ser uma necessidade. Confio no que Ele tem pra mim, como tem um canção que gosto muito que diz "Estou nas mãos de Deus isso é o que importa eu não temo o futuro, estou segura, estou nas mãos de Deus..."

Desperta jovem, mulher, criança, velho. Deus quer te usar de uma tal maneira, se entrega à Ele de todo coração que Ele fará de ti um grande instrumento nessa terra!

..................................................................................................................................................................


" Graças ao grande amor do Senhor é que não somos consumidos, pois as suas misericórdias são inesgotáveis.

(Lamentações de Jeremias cap 3:22 )



Fique por dentro das novidades do blog também nas redes sociais:


Fica com Deus!
<3

Um comentário:



Menina Modesta. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design.